X-Men: A Batalha do Átomo

battle-of-the-atom-1

Que zona!

images-livrariasaraiva-com-br

A única coisa que me atrevo a seguir na atual mas nem tanto atual linha mutante da Marvel são os Novíssimos X-Men, escritos pelo bom porém superestimado Bendis e desenhados pelo Stuart Immonen (quando ele não atrasa e chamam outro). X-Men do Ciclope trevoso, X-Factor, X-Men sem nenhuma variação no nome, cago pra isso tudo. Mas assim como tudo que é bom dura pouco, na Marvel tudo que é legal logo acaba sendo enfiado em uma mega saga.

A Batalha do Átomo é um encadernado lançado pela Panini que engloba as revistas All New X-Men 16 e 17, Wolverine And The X-Men 36-37, X-Men 5 e 6, Uncanny X-Men 12-13 e a  já citada Battle Of The Atom  1 e 2. Além de um bando de desenhistas, o roteiro está por conta de Brian Bendis, Brian Wood e Jason Aaron. Na trama, após um encontro e ação em conjunto para deter uma mutante descontrolada, o grupo composto pelos mutantes liderados por Ciclope e os X-Men originais vindos do passado recebem a visita de um grupo vindo de um futuro apocalíptico.

023-copy

Os mutantes do futuro são compostos por Kitty Pryde, um novamente alterado Fera, um jovem telepata que é neto de Charles Xavier, uma versão adulta de Moly Hayes, um gigante de gelo que aparentemente é Bobby Drake, Deadpool e Xorn, mas agora que usa o seu uniforme é uma mutante do sexo feminino. O grupo resolve quebrar a regra de viagem no tempo para alertar ao grupo atual que o futuro está em grande perigo justamente devido a permanência dos X-Men originais no presente. Xorn revela ser Jean Grey, que agora se vê obrigada a usar aquele capacete para controlar os seus poderes.Jean e Ciclope do passado criam uma distração e acabam fugindo. Durante a busca pelos dois, uma série de atitudes dos viajantes do futuro começam a levantar suspeitas de que eles talvez não sejam o que dizem ser.

battle-of-the-atom-1

Foi impossível ler essa revista sem lembrar do Sir Vinnie falando que odeia histórias com viagem no tempo. Que quizumba desgraçada foi essa? Tipo, foi uma saga pra porcaria nenhuma, tiveram algumas mudanças de equipe, alguns heróis do futuro morreram e tudo voltou (quase) ao normal. A história não é um cocô, é até bem escrita (na medida do possível), só que acaba se mostrando sem sentido de existir, a não ser fazer idiotas como eu comprar algo além da mesma revista do X-Men que anda acompanhando. E se isso não fosse o bastante, na hora de fechar o pedido na Amazon eu acabei me atrapalhando e comprei DUAS edições dessa joça!

Sente o drama!

Sente o drama!

Quanto a arte, nada à reclamar, nem dos desenhos do Chirs Bachalo, cuja nova fase não me agrada nem um pouco. O encadernado não conta com extra nenhum, já que galeria de capas não é nada mais do que obrigação. O preço original é 70 pilosas, mas na Amazon hoje está saindo por 39. Vale a pena? Nem fodendo, mesmo com preço reduzido.

Godoka
27/12/2016