O Segredo Além do Jardim – Over the Gardem Wall

É fácil ver que a a vida inteligente nos desenhos realmente está bem além.

Over-the-garden-wall-poster

Teve que ter uma sexta bastante tediosa para eu dar uma chance para esse desenho. Mas não foi tempo perdido.

Vamos ver. É uma mini-serie de 10 episódios, com 11 minutos cada, então é curta. Lá fora a dublagem é feita por Elijah Wood, Christopher Lloyd e dos cantores Samuel Ramey e Jack Jones.

Patrick McHale era artista de storyboards do desenho As Trapalhadas de Flapjack, então já estava acostumado com visuais de jeito antiquado e potencialmente bizarros. Ele recebeu do Cartoon Network uma proposta para fazer um piloto, que posteriormente se tornou a série.

A história segue dois irmãos, Wirt e Greg, perdidos em uma floresta chamada O Desconhecido. Eles tem que encontrar uma mulher chamada Adelaide para poderem voltar para casa. O lugar é muito estranho, com objetos e animais falantes e gente bastante esquisita. Eles tem a ajuda do Senhor da Mata, um velho lenhador e de Beatriz, uma passarinha azul.

over-the-garden-wall1

A proposta do desenho é ser uma aventura com toques sombrios e nisso ele é bem sucedido. Os cenários são muito bonitos,  com uma atmosfera melancolica, repletos de tons pasteis e cinza. A ambientação é variada, com alguns lugares e pessoas que parecem da época colonial e outros mais ou menos do começo do século 20, principalmente rural. O desenho bebe bastante no folclore dos EUA.

Outras inspirações são bastante claras. A Divina Comédia e Gustave Doré por exemplo, se lembrarmos que o poeta Dante também é guiado por uma Beatriz. Então a influencia dos cenários em Doré fica mais óbvia.

over_the_garden_wall_fishing_by_moonvalkyriesoul-d8cg45z

O Segredo Além do Jardim parece uma peça de uma época onde não se tinha medo de assustar as crianças, e mesmo as assim chamadas “histórias infantis” tinham um elemento perturbador. Mas há muitos detalhes bem bolados espalhados aqui e ali, coisas que crianças não notariam. Um exemplo é a pequena cidade do segundo episodio, Pottsfield. Historicamente, “Potter´s Field” eram os lugares onde pessoas muito pobres ou indigentes eram enterrados em covas sem lápides. E o próprio nome da série.

4FE9J3aRLdqXbjlCrFvyri

 

É realmente um desenho ótimo, bem colocado nesse “Renascimento” da animação americana dos últimos anos.

Zweist
16/05/2016
  • O_Comentarista

    Gostei da temática.

  • É bom mesmo? Vou assistir.

  • [Better Call Harvey]

    A idéia é genial, fora que a história não é contada em ordem cronológica.

    o clima é bem pesado e meio perturbador mesmo, principalmente quando a BESTA aparece.

    Foda igual as Trapalhadas de Flapjack :P

  • Anubis_Necromancer

    Essa serie é uma prova viva de quem os cartoons também pode serem autorais, não precisando de merchandesing para viver.

  • Frogwalken

    GardeM no título e nas Tags, se não fosse pelo Post bem escrito, eu podia jurar que era o Dadá disfarçado de Zweist!

  • Bob Balburdia

    Parece interessante.

  • Canoa Furada

    Essa animação é muito boa mesmo! Gostei da dublagem nacional.

    E vai continuar nas HQ’s. Aí já não sei se será tão bom.