O que tem de errado com os personagens de Marvel vs Capcom: Infinite?

MvC infinite

Título direto por motivos de: não vale a pena pensar em alguma coisa melhor, :D

Olá para todxs!

Hoje ontem, na realidade, já que eu estou escrevendo isso na terça-feira saiu oficialmente o Marvel vs Capcom Infinite, o novo jogo da franquia Versus da Capcom. Eu estava muito afim de comprar e investir tempo nele, mas a lista de personagens me decepcionou. Muito.

Então é isso o que eu estou fazendo aqui… apresentando os motivos principais por eu não ter gostado das personagens. Sendo assim, não esperem que eu vá elogiar a jogabilidade ou falar mal de quase todo o resto do jogo. Eu só vou falar dos bonecos aqui. Vamo começar, carajo!

MvCI possui 30 personagens jogáveis logo de cara (isso sem contar os primeiros 6 personagens que serão lançados em DLC ainda nesse ano… talvez saiam mais bonecos ou ainda uma versão Ultimate, nos mesmos moldes de Ultimate Marvel vs Capcom 3).  Somente para título de comparação, o Marvel vs Capcom 3 original tinha 36 personagens (sem contar com 2 exclusivos de DLC e 48 básicos na versão UMvC3) e o Marvel vs Capcom 2 possuía 56 no total. Entenda que para o segundo jogo da franquia, o número não quer dizer muita coisa, já que a Capcom basicamente sempre aproveitava as sprites que saíram nos outros jogos, diminuindo consideravelmente a exclusividade, mas ainda assim, é um número gigante de personagens.

Sabendo disso, vamos para o que importa. MvC3 saiu aproximadamente 1 década depois de MvC2 e, com uma nova engine, tivemos personagens completamente retrabalhados (especialmente no ponto de vista artístico, já que a jogabilidade deles permanecia quase que inalterada… dos que já existiram antes, claro). Não que a lista de personagens da época seja uma maravilha, mas ainda assim tivemos mais exclusividade e um ar muito mais fresco do que o temos nesse jogo (que só saiu 6 anos depois do primeiro lançamento do jogo anterior). Na ocasião, tínhamos personagens inéditos nas franquias (com é o caso de Deadpool, Dormammu, She-Hulk, X23, Taskmaster, Phoenix, Thor, Arthur – da série Ghosts ‘n Goblins, Haggar, Viewtiful Joe, Dante, Chris Redfield – do universo de Resident Evil e mais alguns que não quero lembrar), o que significava mais estilos diferentes para explorarmos.

Lista de todos os personagens do penúltimo jogo da série

Todos os personagens do penúltimo jogo da série

E nos incríveis 30 personagens desse jogos só temos, pasmem, 5 NOVOS. Isso. 5 personagens que não estavam nos jogos anteriores. Se contarmos com os bonecos que vão sair em DLC, são 10 ao todo, mas falarei disso daqui a pouco. Dessa lista de personagens, apenas 1 foi incrivelmente  solicitado desde MvC3, outro foi uma oa surpresa e um terceiro uma decepção bizarra, são eles consecutivamente: Megaman X, Gamora e Jedah Dohma (um dos bonecos e o chefe final de Darkstalkers 3).

A falta de variedade da seleção é super desapontante, mas o ponto principal é que o jogo carece de carisma. Vamos fazer uma continha básica aqui. Dos 36 personagens que estarão disponíveis para uso até o final desse ano, só existem 4 heroínas!!!!!! E arrisco dizer que nenhuma delas é empolgante o suficiente. Eu gostei da adição da Gamora, mas não quer dizer que eu ache ela muito interessante… o estilo dela para um jogo de luta é padrão. E só. Temos também a Chun-Li (que eu não poderia me importar menos nessa altura do campeonato, especialmente por ela ser a segunda representante do universo de Street Fighter), a Morrigan (que pra mim já cansou como representante oficial de Darkstalker, apesar dela ter um estilo de jogabilidade super interessante) e a Black Widow (que vai sair por DLC e me parece um pouco mais genérico que a Gamora).

Nem preciso dizer que falta mais mulheres aí. Também nem preciso dizer que faltam personagens mais interessantes em geral.

Dos que estão disponíveis, muitos poderiam ser substituídos por “similares” para tornar as coisas mais frescas e renovar um pouco a franquia. Claro que isso seria deixar alguns gigantes de lado, mas como a Capcom não possui licença para usar nenhum boneco do universo mutante (acredito que eles estejam sob a “proteção” da Fox), já estamos perdendo personagens icônicos (e alguns chatos demais, mas necessários, como o Wolverine, uma das caras mais estabelecidas da série Versus), essa lista já fica super defasada por si só.

Personagens de MvC2

Personagens de MvC2

O Captain America acabou se tornando um dos pilares  do universo Marvel e da série e, por mais sem sal que seja, é bom continuar na lista, só pela identidade. Juntamente com eles, também temos Black Panther (DLC), Black Widow (DLC), Doctor StrangeDormammuGamoraGhost RiderHawkeyeRocket RaccoonThanosVenom (DLC), Winter Soldier (DLC), ArthurDante (apesar de estar na lista, ia ser incrível se ele fosse trocado pela skin do Dante novo… ia fazer mais sentido), Spider-Man (que poderia facilmente ser atualizado para o do Miles Morales), Frank WestMega Man XMike HaggarSigma (DLC) e Strider Hiryu. Alguns desses encaixaram bem no estilo da série Versus e acabaram se tornando novos pilares (como o Doc Strange, Dormammu, Rocket Raccoon e um destaque especial pro Dante, uma das melhores adições do jogo passado e, pra mim, o principal representante da série atualmente). Outros ainda trazem jogabilidades diferenciadas e com bastante potencial para experimentação e diversão, como Hawkeye, Ghost Rider, Frank West e Strider. Também ainda temos aqueles que há anos são solicitados por fãs, como o Venom, Winter Soldier, Sigma e Megaman X. Nessa lista, todos são super bem vindos e possuem um lugar interessante e importante no panteão.

Agora passando para o lado ruim da coisa, a outra metade poderia ter sido adaptada e ficado muito mais interessante. A Captain Marvel, uma das personagens-propaganda do jogo, é muito genérica e sem carisma nenhum. Como é mais uma personagem voadora e que solta poderes, podia ser facilmente trocado pelo Captain Marvel original. Também temos Hulk (pode ser trocado pela She-Hulk), Iron ManNova, Thor (trocado pela Female Thor), UltronFirebrandJedah Dohma (pode ser trocado por qualquer personagens de Darkstalkers, como o Jon Talbain), Morrigan (podia ser trocado pela Felicia), Monster Hunter (DLC – pode ser trocado por qualquer coisa… mesmo… pelo fato de ser um personagem genérico, eu ia amar se fosse algum Arisen genérico do Dragon’s Dogma), NemesisNathan SpencerRyu (podia ser substituído pela Sakura, ou até pelo Ken, pra manter basicamente o mesmo personagem… e apesar dele ser super icônico, ele é muito chato), Zero (pode ser substituído por outro boneco da série do Megaman, como o Protoman por exemplo), Chris Redfield (pode ser substituído pelo Leon) e Chun-Li.

Além da coisa óbvia de existirem pouquíssimos personagens femininos, todos os que mencionei ali acima podem ser trocados por equivalentes em estilos ou, simplesmente, por personagens diferentes. Por exemplo, quem ainda se importa com o Chris, Zero, Firebrand ou acha que o Jedah é um representante à altura para Darkstalkers? Existem muito mais personagens incríveis abandonados por aí e que poderiam tornar essa lista toda muito mais interessante. Para citar alguns rapidamente por cima: Zangief (está faltando personagens que lutam corpo-a-corpo aqui), Cammy, Okami, Jessica Jones, alguma personagem mulher de Power Stone (como a Ayame ou a Rouge), mais alguém da série Final Fight ou adicionar alguém de Captain Commando, Regina (da série Dino Crisis), algum boneco da Disney (eu duvido que aceitariam ver um Mickey ou Aladdin da vida caindo na porrada com o pessoal, mas ainda seria muito mais legal do que isso que temos hoje), algum personagem de Project Justice e/ou Onimusha. A lista é infinita e eu não gastei mais do que 2 minutos pensando nisso…

Entendo a importância que a Marvel dá pros personagens dos filmes, mas eles tão saturados demais nessa altura do campeonato. Chega.

Enfim, o TL;DR (too long, didn’t read ou, simplesmente, resumo) disso é que a lista de personagens é muito pobre em geral, poderia facilmente ser incrementada com alguns twists e cuidados especiais. Não condeno a existência das DLCs (afinal é a Capcom e, além disso, uma empresa sem fins lucrativos e que tem uma visão para seu produto), mas é triste pensar que alguns personagens relevantes só estarão disponíveis por lá. Somando isso com os menus genéricos, gráficos fraquíssimos, o jogo parece só um amontoado de personagens reaproveitados do MvC3 e UMvC3 com uma roupagem diferente e inacabados, sem exalar nenhuma paixão. E deixando todas as críticas de lado, o gameplay parece bem fluído, mais simples, privilegiando a aplicação e masterização dos basics (os conceitos básicos de todos os jogos de luta e que sempre estarão presentes), o que por si só é um ponto excelente, mas não sei se é o suficiente pra justificar ESSE lançamento.

Portanto a melhor coisa que eu faço é pegar esses 130 Reauzes (preço atual/inicial do jogo) e gastar tudo em litrão barato. E aconselho que vocês façam o mesmo por enquanto. De repente um Ultimate Marvel vs Capcom: Infinite – All Over Again seja uma boa forma de comprar o jogo. Até lá, ficarei mais do que feliz em passar.

Só uma observação: Eu escrevi muitos Interessantes nesse texto pelo simples motivo que eu não ia pensar em termos melhores. O jogo não vale todo esse esforço. De repente meu texto sem inspiração nenhuma seja só um reflexo bastante preciso da obra.

Observação número 2: Era pro post ter saído quarta, mas eu esqueci de agendar… mim desgurpem!

Cgui
22/09/2017
  • [Better Call Harvey]

    Monster Hunter é amor, Power Stone tmb!! X e Zero são top.

    Okami é o Zelda da Capcom então sim.

    sobre o jogo, CAGUEI, pra mim foda foi TATSUNOKO VS CAPCOM (tenho) depois desse nenhum prestou.

    SDDS 1000 de MvsC 2

  • Bulmoruja

    Melhor jogar Mugen mesmo

  • O_Comentarista

    Jogo de luta só compro qdo sai a versão GotY, com tudo incluso.

    • Frogwalken

      Verdade, Witcher 3 do Xbox One tava numa promoção legal =D

  • Bizarro

    Sempre odiei esses jogos de “Series Vs”. Como fã de quadrinhos, achava do caralho ver os personagens que curtia em um jogo de luta, mas era só começar a jogar que a diversão acabava com os “combos a velocidade da luz” (o inimigo dava uma variação de soco, soco, chute, te jogava pra cima, especial e pá, tu morreu ou perdeu meia vida..). Fora a aparente preguiça da Capcom para reaproveitar personagem e colocar outro nome (Carnage, US Agent, shadow lady, War Machine….td a mesma merda só que com cor diferente…).

    • Frogwalken

      Hulk Laranja =P

    • EzquizofrenizAndo de Almeida

      git gud scrub!!!!!

  • o Inconcebível Bob Balburdia

    Nem vou jogar isso mesmo.

    Não sei o que Jessica Jones ia acrescentar ao jogo. É só uma mulher forte genérica. Mulher Hulk poderia ficar no lugar dela sem problemas.

  • Aquaman, O Lego Emo

    O erro é ser da Marvel mesmo. Se fosse da DC era bom.

    • I know, right?!
      :D

  • Pedreira Guilliman

    o pessoal que sabia fazer jogos de luta na capcom ja rodou o pé dali e fora trabalhar na Rare, Netherrealm ou na ArcSYS

    MVCI fora a vergonha do ano, e SFV ja ganhou mais um UPGRADE pago, isso pq a CRAPCOM PROMETEU DE PÉS JUNTOS EM CIMA DO MILHO que SFV NUNCA TERIA UMA VERSÃO SUPER ULTRA HIPER ARCADE OU MEGA

    • cara… os jogos de luta da Capcom tão lastimáveis (eu podia falar de todos os jogos em geral, mas tô num dia light hoje, AUEHAHUHUAHUA)…
      street fighter 5 é uma piada e o MVCI foi triste demais…
      um dia eu volto pros jogos de lutas… mas não com a NetherRealm :D