LJA: Ano um

coleção eaglemoss - lja - ano um

Que beleeeza!

coleção eaglemoss - lja - ano um

Após enfrentar uma invasão alienígena em pontos diferentes da terra, os heróis iniciantes e desconhecidos Flash, Canário Negro, Lanterna Verde, Aquaman e Ajax (Caçador de Marte de cu é rola) chegam a conclusão de que poderiam fazer algo maior trabalhando em equipe. Assim é fundada a Liga da Justiça, usando como base os preceitos da já aposentada Sociedade da Justiça. Só que nem tudo são flores, pois uma organização secreta chamada Locus está vigiando bem de perto as atividades dessa nova equipe, e algo muito pior está por vir.

Ok, esse é o plot inicial, não quero dar muita informação pra quem ainda não leu e pretende comprar os encadernados (Partes 1 e 2), o fato é que até o momento essa não é apenas uma das melhores histórias da coleção, mas uma das melhores histórias de origem já feitas na DC Comics. E dizer isso não é fácil, pois sou um fã incondicional de A Nova Fronteira.

Aquaman com moral nenhuma

Aquaman com moral nenhuma

Mark Waid mais suma vez é o responsável pelos roteiros junto com Brian Augustyn, e sua ideia de usar uma antiga história de origem da LJA como base para essa nova versão foi genial. A dinâmica entre os personagens é maravilhosa, assim como as maneiras em que o conflito entre a vida civil e suas novas identidades. Diferente de muita coisa da DC hoje em dia, tanto no universo cinematográfico quanto nos quadrinhos, o bom humor tem espaço no andamento da história, garantindo aos personagens clássicos e conhecidos por personalidades rasas e cambiáveis um ar mais humano.

Outro ponto interessante é a atitude de outros grupos de super heróis diante dos novatos. Falcões Negros, Desafiadores do Desconhecido, Demônios do Mar, Patrulha do Destino além dos membros da antiga Sociedade da Justiça ainda estão por aí, e muitos ainda na ativa.Os desenhos de Barry Kitson são muito limpos e dinâmicos, com um enfoque nas expressões faciais e uma narrativa excelente. Alie isso ao trabalho de cores de Pat Garrahy e temos algumas páginas realmente maravilhosas.

Acho que não, hein?

Acho que não, hein?

Como extra, a primeira parte vem com a história que deu origem à reformulação, originalmente publicada em Justice League of America nº 9, de 1962. E é agora que o redator foi fisgado pela nostalgia, amiguinhos, pois essa foi a primeira história de super heróis que eu li na minha vida, quando tinha uns 8 anos de idade, em um formatinho preto e branco que minha avó alugou para mim na biblioteca municipal  da minha cidade. Ter a oportunidade de, mais de quinze anos depois, relê-la em tamanho original e colorida e colocá-la na minha estante é sensacional.

O extra da Parte Dois é uma parte de Detective Comics 255, de 1955, a história de origem de Ajax, que nessa época ainda não era retratado como o último marciano. Interessante, porém não empolga muito. Enfim, sugiro a todos que são fãs de quadrinhos de super heróis que comprem

liga

Godoka
04/05/2016