Eu não estou louco

E estou provando lentamente que não.

a3837ecf307602847b6761b0bcddfe1d

Há alguns anos, três dúvidas me surgiram à mente. Existia um programa de clipes apresentado por um boneco de capivara? Qual o fliperama tipo moto espacial que eu insistia em jogar? Tinha um danoninho de cor roxa?

É isso.

Essas questões me atormentavam, e eu nunca conseguia encontrar nada sobre elas em lugar nenhum. E cheguei a duvidar de sua existencia. E posteriormente, de minha sanidade.

Mas não mais. Não mais seus putos, estão entendendo?

Sim. O programa da capivara. E era o programa Realce, posteriormente Clip Trip, passava na TV Gazeta, no periodo de 1982 até 1989 e apresentava videoclipes. Era apresentado por Beto Rivera acompanhado da Capivara.

Claro que chamar de capivara é meio que uma gentileza. Mas eu vi poucas vezes o programa com o boneco, e as pessoas lembravam mais do Clip Trip, sem ele. O bastante para todos ao meu redor negarem sua existencia e me colocarem numa espiral descendente de questionamento mental.

O joguinho de arcade era S.T.U.N. Runner, da Atari, lançado em 1989.

Eu encontrei essa máquina por algum tempo, no shopping Aricanduva ou no Center Norte, não lembro bem, e a despeito de ser muito ruim nela, estava sempre gastando dinheiro ali. O dinheiro não era meu, o que facilitava as coisas.

Foi por um curto tempo que ela ficou lá, o que contribuiu para sair da minha mente e entrar no reino das lendas. Cheguei a tentar mencionar esse fliperama no podcast de joguinhos, mas não lembrava no momento o nome da coisa. Ou se existia.

O gabinete. Eu lembrava mais disso do que necessariamente do jogo.

O gabinete. Eu lembrava mais disso do que necessariamente do jogo.

Agora falta o tal danoninho roxo. Não consegui encontrar nada que provasse sua existencia. Pelo que está em minha mente (ainda não uso a palavra “lembro”) não era de morango. De beterraba talvez?