Doutor Estranho por Godoka

doctor-strange-city-bending-179855

24 pila num ingresso de cinema é um absurdo.

doctor-strange-city-bending-179855

Mas agora não é hora de falar sobre o preço abusivo dos ingressos de cinema, mas sim da melhor estreia de todos os tempos da última semana, Doutor Estranho, um filme da Marvel que foge da vibe espionagem e tecnologia que permeou as últimas produções da empresa.

Na película temos a história de Stephen Strange, um neurocirurgião brilhante e extremamente pau no cu com pacientes, parentes de pacientes, colegas de profissão, colegas de hospital, o cara praticamente só não é babaca com o próprio reflexo no espelho. Um dia, a caminho de uma palestra, Strange sofre um acidente de carro e literalmente soca as duas mãos no painel do veículo, o que acaba lesionando-as de maneira irrecuperável.

dest

Obcecado pela cura, Strange descobre sobre um paciente que ele recusou tratar mas que milagrosamente se recuperou de uma lesão que o deixaria para sempre em uma cadeira de rodas, que lhe conta que alcançou a cura através dos ensinamentos de um antigo mestre que vive na Índia. Fodido e sem grana, o médico parte para o país em uma viagem só de volta, onde é relutantemente acolhido e começa o seu treinamento nas artes místicas. Eu sei, pulei coisa pra caralho, foda-se.

Durante o treinamento o mago descobre que houve um discípulo da anciã que traiu os princípios do treinamento, e pretende entregar a Terra para a divindade Dormammu,  um ser de poder incomensurável que vive em uma dimensão além do tempo e que domina planetas para alimentar o seu poder. Dormammu não consegue sair da dimensão negra e invadir a Terra devida a presença de 3 Sanctuns, lugares mágicos que servem como escudo contra as forças maléficas. Porém o antigo discípulo resolve agir para que o deus domine o planeta.

Marvel's DOCTOR STRANGE..Doctor Stephen Strange (Benedict Cumberbatch)..Photo Credit: Film Frame ..©2016 Marvel. All Rights Reserved.

Ok, foi um bom filme. Um filme muito bom na verdade.  O 3D estava fantástico, as atuações de Benedict Cumberbatch, Tilda Swinton e Mads Mikkelsen estão ótimas, e os efeitos especiais são realmente de encher os olhos, mas saí do cinema com a impressão de que faltou algo. Pode ser o hype, por exemplo, eu adorei Homem Formiga mas fui assistir esperando uma bomba, dessa vez fui esperando ver um novo salto de qualidade nas produções da Marvel, o que não aconteceu. O padrão se manteve, não piorou mas também não melhorou.

A impressão que ficou é que está tudo meio atenuado. Pode ser mais mimimi que opinião (e provavelmente é), mas eu queria ver um cara mais pau no cu, que atingiria o fundo do poço de maneira extremamente miserável e passasse o pão que o diabo amassou pra ser aceito como um aprendiz de artes místicas, e não apenas esperar algumas horas e entrar com uma piadinha. Não teve nenhuma piada que chegou a me incomodar, mas ter menos me parece uma alternativa melhor. Mas se talvez a minha concepção de filme tivesse saído, não seria um filme padrão Marvel, mais concentrado em ser pra toda a família do que algo realmente relevante.

doctor-strange-mit-benedict-cumberbatch

Apesar das reclamações eu achei o filme ótimo, as cenas mais viajadas no 3D ficaram fenomenais. Enfim, mais um bom filme, e apenas isso, o que ultimamente já é muito. Não sou de dar nota, mas arrisco um 7,7 aqui.