Digimon Adventure Tri. O que esperar?

1

Um post especulando coisa pra caraio.

1

É amigos a série digimon completou 15 aninhos em 2014. Por conta desta data a Toei Animation oficializou em 1º de Agosto de 2014 uma nova série com os seus personagens originais da primeira temporada. No dia 7 de Setembro de 2014 por causa da comemoração dos 192 anos de independência do Brasil foi anunciado os detalhes básicos da história.

Primeira arte oficial dos 8 digi-escolhidos.

“Após aproximadamente seis anos dos acontecimentos de Digimon Adventure, Tai Yagami está agora com 17 anos e cursando o final do ensino médio, quando ele e seus amigos, os digi-escolhidos, reúnem-se com seus parceiros digimons em uma nova aventura para proteger o Digi-mundo das forças do mal.”        

Minhas fontes afirmam que a Toei Animation oficializou que a continuação direta Digimon Adventure 02 continua valendo na cronologia.

Agumon desnutrido, tal como eu.

Eita porra, vamos por partes.

Os senhores sabem que DE LONGE eu estou ao menos PERTO de ser um especialista em animes, entretanto, com o pouco que conheço acredito que por conta do enredo e da idade dos digi-escolhidos, diferentemente das outras temporadas, o público alvo da animação não será o fedelho remelento de 10 anos, e sim o adulto remelento de 20 (Eu.).

Particularmente eu não gosto muito desse tipo de traço, mas isso não irá me incomodar. Mas amigos, esse Agumon desnutrido tá foda! Alguém dê um sanduíche para esse coitado! Leve o desgraçado para almoçar na casa do Churrumino!

Como a segunda temporada ainda vale, é bem possível que o Davis, a Yolei, o Cody e o Ken apareçam mas fiquem de pano de fundo da história, assim como os veteranos ficaram em Digimon 2. Ainda bem, fora o Davis que é um personagem legalzinho, e só isso, a Yolei era uma “gritante” irritante para caralho, O Cody era o personagem mais sem sal de todas as temporadas, e o Ken, junto com seu digimon, era cheio de viadagem foda, vejam!

É demais para minha cabeça, mas enfim, como Digimon Adventure Tri será uma animação construida por conta de seus fãs mais adultos, nada mais justo do que ser uma série nostálgica que traga de volta alguns vilões que podem ter sobrevivido.

Possíveis vilões que podem ser re-aproveitados

Piedmon

Gostei do Piedmon no final da primeira temporada, é um personagem com uma personalidade maneira, meio sinistro e que não morreu, e sim foi sugado pelo cu do Dadá portal sagrado do MagnaAngemon.

Daemon.

Daemon foi um vilão totalmente mal aproveitado na segunda temporada. Sinistro e caótico só queria botar para foder na porra toda, mas não sei por que acabaram com ele em menos de 5 episódios só para botar o Myotismon como vilão principal, causador de toda a merda que aconteceu na temporada.

Daemon não morreu, e sim foi mandado para o mundo das trevas de Dragomon, onde ficavam as torrer negras.

Dragomon

Por isso eu fico puto com a segunda temporada. Outro possível vilão que dá um grande leque de oportunidades para ser explorado, QUE APARECEU EM 1 EPISÓDIO APENAS!!!!!

Enfim, Dragomon é um personagem obviamente inspirado em Cthulu de H.P. LoveMinecraft. Seu episódio é tenso, diferenciando-se dos demais. Kari começa a ser chamada pelas trevas, e começa a desaparecer um pouco passando mal. Dragomon, que é o senhor daquelas terras, aparece nos ultimos segundos do episódio.

Como Daemon foi enviado para aquele lugar, seria interessante vermos os dois se juntando de alguma forma.

Myotismon.

Eu não quero, e não acredito que vão colocar ele novamente como vilão, pois já foi destruido 3 MALDITAS VEZES, uma como Myotismon, outra como VenomMyotismon e outra como MaloMyotismon/ImperialVamdemon. Entretanto eu aprendi com a vida que sempre devemos contar com a burrice de terceiros de ser repetitivo e nada criativo.

O que eu quero ver.

Imagem meramente ilustrativa, ou não.

 

Eu não quero ver o Bush filho (se bem que seria bem foda), e sim o governo, seja o japonês como qualquer outro, como vilão na história. Depois de destruirem MaloMyotismon, ficou claro que o mundo humano e o digi-mundo estavam mais próximos, e que os humanos e os digimons poderiam passar de um mundo ao outro.

Agora pensem o que os Estados de todo o mundo poderiam usar disso para armas, guerras, economia e muitos outros abusos com os digimons. Em digimon tamers e digimon savers é mostrado um pouco disso, de como o Estado lida com os digimons, mesmo que por de baixo dos panos, já que a maioria da humanidade não manja dos paranauês.

Trabalharam legal com isso em Digimon Savers, onde tinha um humano pau-no-cu que por ter medinho dos digimons queria exterminar todos, e usou de seus restos para criar armas biológicas, que eram outros humanos com o DNA alterado, podendo digievoluir.

O Anticristo.

Eu posso estar viajando grandão agora, mas seria muto foda termos humanos como digi-escolhidos do mal.

Não sei se já comentei isso, mas a série de digimon tem muitas referências voltadas a espiritualidade, religião e mitologia. Vemos isso quando temos um anjo derrotando um demonio que tinha fraqueza ao poder sagrado. Quando 4 digimons sagrados, cada um pertencente à um ponto cardial e há um elemento, são incumbidos de proteger seu mundo. Quando 4 cavaleiros das trevas aparecem antes do apocalipse. Com o numero da besta que faz renascer um demonio. Com os 7 príncipes do inferno com nomes baseados em nomes de demônios. Com o espirito da luz que é irmão do espirito das trevas, assim como na religiosidade de alguns povos do oriente, E MAIS COISA PRA CARALHO, que eu não vou citar aqui.

Então assim como temos humanos com papéis messiânicos, tal como Jesus, seria legal surgirem humanos com o papel do extremo oposto. Quase fizeram isso com o Ken na segunda temporada, como um humano que queria foder com a porra toda, entretanto concertaram no decorrer da história, falando que ele foi corrompido, e que ele era um digi-escolhido que deveria proteger o mundo, mas esse não é o caso, não quero um corrompido, quero um humano verdadeiramente mal. Também quero todo o universo místico aparecendo, os quatro digimons sagrados e o caraio.

A imagem diz muito.

É amigos, no final da segunda temporada é mostrado o futuro dos digiescolhidos. Tai vira diplomata do mundo humano com o digi-mundo. Matt vira astronauta e Gabumon é o primeiro digimon a pisar na lua (pausa para risadas). Sora se casa com Matt e tem filhos, além de se tornar estilista de quimonos. Izzy vira o entendedor dos entendedores sobre as informações do Digi-Mundo. Mimi tem uma programa na televisão e cozinha com a Palmon (isso é higiênico?). Joe se transforma no primeiro veterinário (não seria médico? não sei) do digi-mundo e vai cuidar dos digimons feridos. Kari se torna professora. TK vira escritor e se apresenta como o narrador da história, que seria um livro. Davis vai vender macarrão na rua (hahahahahahahahaha’ sempre tem um fodido).

Bem, na imagem temos Sora sentada no colo do Matt, provavelmente namoram, e muito provavelmente relacionamentos amorosos farão parte do enredo. Isso não me incomoda, desde que não se sobreponha dos outros elementos que a série tem que trabalhar, assim como fizeram em Lenda de Korra, e fizeram mal feito ainda.

É isso amiguinhos, esse post fiz com carinho, pois vocês sabem que sou muito fã da franquia. Então comentem, falem o que vocês esperam, ou não esperam. E vou sofrer até abril para ver como vai ficar esse designe na tela.