Creed

“Pega a galinha!”

file_610406_creed-trailer

Quando pensávamos que a historia de Rocky Balboa terminaria, apareceu esse filme. E de fato, não é a história de Rocky. Realmente a história de Rocky, o lutador se encerrou.

Michael B. Jordan (não é parente do outro Michael Jordan, mas foi o Tocha Humana no último Desatre Fantástico), é Adonnis Creed, filho ilegitimo de Apollo. Ele praticamente viveu em orfanatos até ser localizado pela esposa de Apollo, Mary Ann, que resolve adota-lo.

O sujeito tem um emprego de terno e gravata, mas o chamado do ringue fala mais alto. Então ele vai até a Filadélfia buscar treinamento com o grande amigo/rival de seu pai, o ex campeão Rocky Balboa.

rocky-7-spinoff-creed-apollo-1024x680

O filme é, de certa forma, um remake do primeiro filme e é, de fato, muito bom. Eu diria até bom o bastante para estar entre os três melhores da franquia. E como um sinal dos tempos, talvez, conseguiu para Stallone uma indicação ao Oscar de melhor ator coadjuvante.

Esse filme é um spin-off, e é a primeira vez que outra pessoa além de Sylvester Stallone escreve Rocky. O diretor, Ryan Coogler, convenceu Stallone a deixa-lo escrever. As coisas devem ter sido duras pro Stallas, porque durante a pré produção, o filho mais velho dele, Sage, morreu de ataque cardiaco. Coogler então colocou mais enfase no aspecto “pai e filho” do filme.

Creed_Movie_Poster

 

Eu, assim como todo mundo, estava, na melhor da hipoteses, cético sobre esse filme. Rocky Balboa havia sido o encerramento perfeito pra mim. E, bem, ainda é.

Creed não é um filme do Rocky, apesar dele estar ali e ser vital pra trama. É um filme feito por gente que adora Rocky e tem talento para continuar a franquia, mesmo sem o próprio Rocky. A tocha foi passada com méritos.

creed_zx2bla

Estou apenas querendo dizer que é um puta filme. Do tipo que não dá pra não ver.

Outra boa razão, Bianca (Tessa Thompson)

Outra boa razão, Bianca (Tessa Thompson)

Zweist
19/01/2016