Batman: Lendas do Cavaleiro Das Trevas – Jim Aparo

Batman 2

Calma, eu posso explicar.

Batman JIM-APARO-4

Todo mundo sabe  que não curto Batman. Sempre que eu posso fazer uma piada com ele eu faço, e por esse e outros motivos o Cantinho do Caio sempre vai ter um lugar no meu coração. Mas esse desprezo pelo riquinho de merda sadomasoquista que alicia menores não surgiu do nada, ele foi cultivado principalmente por 2 motivos.

1º Motivo: Grant Morrison

Esse filho da mãe fez a pior coisa que poderia ser feita como personagem: transformou fanfics de fãs retardados em histórias canônicas. Batman enganando a Liga da Justiça? Derrotando o Capitão Marvel (Shazam de cu é rola) com um gravador? Batendo dia sim, dia também no Super Homem? Usando a estratégia do preparo em cada maldita história? Agradeçam a esse filho da mãe que só faz histórias olhando para o próprio umbigo. Até a única coisa boa que li do cara (All Star Superman) faz referência à DC Um Milhão, que também é de sua autoria (e que negócio horrível é aquilo!)

Batman 2

2º Motivo: Cuequinhas Verdes

Malditos fãs do Batman! Homens barbados agindo como criancinhas defendendo um personagem fictício como se fosse a própria mãe ou o amor das suas vidas (o que muitas vezes é verdade). Existem crianças também nesse meio, mas pra elas eu dou um desconto, afinal, um dia elas crescem e se arrependem das merdas. Ou isso ou  algum dia a vida ensina. Hoje eu sou uma pessoa mais madura, mais tranquila, consigo simplesmente deixar pra lá, mas eu já fiquei muito puto com essa espécie. Até falaria do dia que descobri como fraudar o sistema de votação usado em um site de scans e acabei gastando uma tarde só pra fazer o Batman perder para o  Wolverine em uma batalha de crossover, mas é melhor deixar pra lá pra evitar treta.

-batman-lendas-do-cavaleiro-das-trevas-1-a-4-jim-aparo--842201-MLB20292860720_052015-F

Mas apesar disso, não dá pra negar que o personagem possui boas histórias. A maioria delas, infelizmente, se encontram no passado. E com muita alegria que acabei adquirindo os quatro (são só quatro mesmo) volumes da coleção Contos do Cavaleiro das Trevas com desenhos do Jim Aparo e roteiros de Bob Haney. E que histórias fodas!

Batman continua sendo a figura central, continua prendendo o bandido no final e resolvendo o crime, mas diferentemente dos histórias atuais e da morcega queridinha da garotada, nessas histórias ele apanha, faz cagada, toma tiro no peito, se fode como um humano que resolve ir sozinho contra as mazelas do mundo se foderia. Jim Aparo tem suas virtudes, como o cuidado a anatomia e a narrativa fluida durante as cenas de ação, mas ele falha bem feio quando se trata de expressões faciais por exemplo. A impressão que passa é que todas as suas mulheres são a iguais, só muda a roupa e a cor do cabelo.

11-09-2013-023938PM

Mas o grande destaque dessas histórias está nos roteiros. As histórias envelhecem, claro, temos aqui contos de quarenta anos atrás, mas ainda assim são muito bons, principalmente se você as lê com a mentalidade de que são histórias clássicas, do começo da Era de Bronze dos quadrinhos. Cada edição custa 22 reais, impressa em papel de boa qualidade e possuem 7 histórias fechadas cada. Se você se se julga fã do Batman só por ler a fase pós Dark Knight Returns, faça  um favor a sim mesmo e corra atrás dessas revistas.

Godoka
02/11/2015
  • Fake do Luiz

    Gostei do post

  • Fake do Luiz

    Terminei de ler, post sucinto e divertido. Na parte da critica aos fanboys do batman, eu até entendo que eles são chatos, mas não adianta criticar-los pois nunca vão mudar. O Morrison é complicado, eu simplesmente odiei all star superman, mas os seus trabalhos autorais e histórias curtas, são ótimas.

  • Felipe P. Silveira

    perai FDP, cê falou que All Star Superman é uma merda ou se referia a DC Um Milhão?

    • All Star Superman me arrancou lágrimas no final, um das minhas histórias favoritas. Qualquer outra coisa do Morrison é superestimada.

      • Asilo Arkham também foi muito foda.

      • Tu não curte o Homem Animal dele?

        • Confesso que nunca li. Mas X Men achei que é bem abaixo do que venderam, Happy é bisonho e qualquer mega saga escrita para a DC me dá uma puta preguiça por causa das toneladas de referências obscuras.

          As coisas mais antigas eu realmente não conheço.

          • Homem Animal, a curta fase dele no Hellblazer (é curta mesmo, só 2 edições), Asilo Arkham, Kid Eternidade, Quarteto Fantástico 1234 e Nameless são bons pra caralho!

          • Felipe P. Silveira

            Tá loco, QF 1234 é horrível.

          • Eu achei foda pacas. Tudo bem que a Sue cornou o Reed pela centéssima vez, mas tirando isso, a história ao todo é muito boa.

  • Também não gosto do Batman, mas não fala mal do Morrison não, amiche! (e não, não vou dar pra ele).

    Brincadeiras a parte, o Batman tinha uma mensal legal chamada “Lendas dos Cavaleiro das Trevas”, onde vários autores tinham a carta branca para fazer o que quiser com o personagem. Vale a pena dar uma lida.

    • Eu tenho umas revistas dessa série, se não me engano escritas pelo Matt Wagner, realmente são muito boas.

      • Aquela em que a Morcega enfrenta o Monge (aquele vampiro) é bem da hora.

      • Procura uma chamada “Torpor”. ´E a única HQ que o Garth Ennis escreveu para o Batman, e puta que pariu, que história macabra!

  • Essa série teve várias histórias fodas. Saudades do tempo em que um criminoso comum podia, dependendo das circunstâncias, representar uma ameaça genuína à Morcega.

  • Existem crianças também nesse meio, mas pra elas eu dou um desconto, afinal, um dia elas crescem e se arrependem das merdas.

    Ou viram JJotas e Cortos da vida. Melhor não dar desconto pra nenhum.

  • O_Comentarista

    Curioso é que aqui no Superamiches os trutas não aparecem…

    E concordo com o que foi dito: se antes o Batman era uma lenda urbana dentro de Gotham, hoje ele dá porrada até no Darkseid…

  • O Impronunciável Zweist

    Por mais clássico que seje e não dá pra falar clássico sem mencionar Jim Aparo, nunca fui muito fâ.
    E cada editora tem um cara que não perde nunca. O Capitão América só perde mesmo de caras muito acima do nivel dele, e mesmo assim, ele vez por outra vence esses caras (Hulk e Homem de Ferro me vem a mente agora) com seu escudo e um discurso de “não se render nunca”.

  • CavaleiroDaRua

    É… o que dizer do batman… Para alguns o personagem “deus” dos quadrinhos (sim, eu já ouvi isso!) “Superman deve rir muito disso”, e acho que esse fato dele ser o fodão dos fodões sempre me afastou do que dizem ser a melhor frase do personagem (Morrison), e o que me afasta dele até hoje…

    Mas se é old & good deve valer a pena conferir.

    • Felipe P. Silveira

      Caralho, que diz que a fase do Morrison é a melhor fase do Batema?
      Essa pessoa já foi internada?

      • CavaleiroDaRua

        Muito otário que só lê coisa atual por que dizem que as antigas não agradam… e olha que tem um monte assim!